Sinais que indicam uma terceira pessoa no relacionamento

Sinais que indicam uma terceira pessoa no relacionamento

A convivência com uma pessoa nos permite ter certeza de nossos intuitos, porém deve-se atentar-se a problemas particulares, que talvez esteja passando dentro da empresa, como pressão psicológica, assédio, entre outras coisas, mas que a pessoa de repente não se sente a vontade para contar para seu cônjuge.

Mas pode acontecer o fato de que existe uma segunda pessoa intencionada, ela já não consegue mais ficar ao seu lado e fica imaginando a outra pessoa, ou seja, você notou uma diferença e um distanciamento dela.

Outro sinal é quando a pessoa tem uma certa vaidade aguçada, mudou o penteado, trocou o perfume, usa mais maquiagem, usa roupa mais estravagante afim de chamar mais atenção e tá se cuidado de um modo geral mais frequente.

Um outro sinal que também deve ser observado, é quando o cônjuge fazia certas coisas no inicio do relacionamento e hoje já não faz mais, ou parou de fazer por um tempo e de repente voltou do jeito que era antes.

O distanciamento é um dos principais sinais, pois quando essa mudança radical chega ao relacionamento é porque as coisas já não estão indo bem. Nota-se que o cônjuge não quer mais ficar ao seu lado, inventa sempre uma desculpa para sair, vive aérea(o), pensativa(o), e sempre prefere sair sozinha(o), não fazendo questão da sua presença.

Outra questão que pode ser observado é o famoso celular desligado em casa, sendo que na rua está sempre ligado, mas sempre inventa a desculpa de que quer sossego e não quer ser incomodada(o) por ninguém. Ou vice e versa, em casa o telefone fica ligado e na rua desliga, até mesmo para não saber a localização exata, inventando sempre uma história de que estava em reunião ou o celular estava fora de área.

Uma desculpa típica é quando a pessoa sempre chegava em casa no mesmo horário e quando está com outras intenções, começa a inventar de que estava em reunião ou que o trânsito estava parado ou que precisou passar na casa de um amigo.

O último sinal que iremos citar aqui é quando o cônjuge chama o(a) parceiro(a) para se deitar, começa a fazer carinho na intenção de obter um relacionamento sexual e percebe que a outra parte não está afim, inventando desculpas de cansaço e dores de cabeça.

Com tantos sinais é hora de investigar, contrate um dos nossos serviços de detetive particular, pois somos especialistas no assunto de infidelidade conjugal, trabalhamos com sigilo e total discrição.  Saiba mais entrando em contato conosco.

No Comments

Post A Comment